O Eleito

terça-feira, outubro 25, 2005

Alguém Nota Um Padrão?

Aqui está a lista dos países mais desenvolvidos do Mundo, segundo o índice de desenvolvimento humano da ONU, e o respectivo sistema político:

1 Noruega Monarquia
2 Islândia Regime semi-presidencialista *
3 Austrália Monarquia (Britânica)
4 Luxemburgo Monarquia
5 Canadá Monarquia (Britânica)
6 Suécia Monarquia
7 Suiça Democracia federal semi-directa
8 Irlanda Regime semi-presidencialista
9 Belgica Monarquia
10 Estados Unidos Regime presidencialista
11 Japão Monarquia
12 Holanda Monarquia
13 Finlandia Monarquia
14 Dinamarca Monarquia
15 Reino Unido Monarquia

*corrigido

7 Comments:

Blogger David Afonso said...

Uma correlação não é o mesmo que uma relação causa-efeito...

12:17 da manhã  
Blogger José Raposo said...

Sim denoto um padrão... a maioria são países Europeus... Era isso? :)

12:27 da manhã  
Blogger Luís Bonifácio said...

Lamento informar, mas a Islândia é uma Republica. Este pequeno país tem a particularidade de ser o único país do mundo onde a política parece ser uma coutada quase exclusivamente feminina.

12:41 da manhã  
Blogger CGP said...

É verdade Luis, foi um lapso não intencionado.
David, obviamente não acredito que exista um nexo de causalidade forte, possivelmente até será muito fraco mas existe e, em breve, chegarei a esse ponto.

12:46 da manhã  
Blogger Tiago Alves said...

Poderá existir essa relação, mesmo de causa efeito; mas não creio que seja do modo que o Karloos fez passar. Seja como for, procurarei debruçar-me sobre isso no proximo post. Agora tenho de ir para a aula

12:06 da tarde  
Blogger Isabela said...

Ai Karloos, meu ídolo; eu por acaso já passei uns tempos bons na Suécia. E os reis, sobretudo as princesas, são sempre giros, e úteis à economia, na medida em que permitem a existência de mais revistas do coração, de exportação, através das agências, de fotos e novidades reais sobre os namorados e namoradas escolhidos(as), o costume. E depois, há o dia nacional, e lá está o rei nas comemorações, e no início da Primavera, e... é um anfitrião que conhece o protocolo, as regras, que se pode apresentar aos visitantes. Poder?
Poder? Eu gostava que ouvisses os suecos falarem sobre a sua monarquia!
E depois, Karloos, o nosso rei, desculpa lá, mas que grande mamarracho! Parece bom homem... Eu acho bem que ele se envolva em acções de solidariedade... A Isabelinha ainda vá que não vá, que tem um ar de rapariga séria e virginal. As crianças, com aqueles cabelos oxigenados... a cara do pai. Ai, Karlos, meu pobre Karloos, se ao menos tivéssemos uma Diana! Era outro luxo!

2:08 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Essas revistas existem quer haja monarqui quer nao haja: basta olhar para o nosso país onde, nao havendo famosos, essas revistas proliferam. Um facto indescutivel á que as monarquias são na sua grande maioria países desenvolvidos; por mais que nao se queira. Quanto à monarquia sueca, todas os cidadãos nórdicos têm muita estima e consideração pelas suas familias reais.
Não tenho dúvida nenhuma que caso Portugal fosse monarquia, tudo seria bem melhor. É preciso nao esquecer que a monarquia portuguesa sempre foi muito proxima da população.

7:27 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home

Powered by Blogger